Pelo Caminho temos encontrado pessoas com mochilas super pesadas. Resultado: dor nas costas, nos ombros e até nos braços. Além de não fazer nada bem para a coluna, pode ser que o peregrino tenha que parar em algum lugar por mais tempo para se reestabelecer e não disfrute tanto seu Caminho. Muito peso é sofrimento desnecessário. Temos visto muita gente mandar os pesos extras para o correio de Santiago e assim que chegam retiraram seus pertences. Pode até ser uma opção mais econômica do que mandar os objetos para o país de origem, mas a verdade é que no Caminho não precisamos de muita coisa, pelo contrário, não precisamos de quase nada!

Outro detalhe vital é trazer roupas que retirem o suor do corpo e sequem rápido. Como lavamos tudo no final de tarde e no dia seguinte bem cedo já partimos outra vez, tecidos especiais para camisetas, bermudas, meias, toalhas, etc facilitam muito nossa vida por aqui.

Algo que muita gente não se preocupa mas que faz diferença é no peso da mochila vazia. Nós trouxemos mochilas Highlander 35 litros + 5 da Curtlo que tem sido ótimas e super leves.

Ao caminhar, vamos dia a dia definindo o que é realmente necessário carregar e do que precisamos nos livrar. Viajar leve é uma arte, exige testes, desapego e determinação. Na vida precisamos dessas mesmas qualidades para conseguir viver leves!!

No Comment

Comments are closed.

You may also like