Walk and Talk | O que te motiva?

Curiosos em ação!

walkandtalk 2

Curiosidade é uma das maiores motivações humanas, andamos tão curiosos que uma das empresas mais conhecidas do mundo se chama Google. As curiosidades são desvendadas em frações de segundos pelos robôs de busca saceando a sede por conhecer.

Conhecer é excelente, sempre nos agrega algo. Se o motivo da nossa curiosidade é conhecer estamos no caminho certo. Conhecer nos liberta de hábitos que não necessitamos, abre nossos olhos para a realidade nos fazendo entender suas raízes e seu funcionamento, nos ajuda a agir de maneira mais adequada e eficiente. Se formos pessoas positivas isso se refletirá em um bem comum.

Agora quando a curiosidade tem o fim em si própria, só pelo fato de provocar um prazer ao “matar a curiosidade”; isso pode não ser saudável e muito menos sinônimo de busca por conhecimento.

Nas empresas colaboradores curiosos podem agregar valor trazendo novidades, sugerindo soluções inovadoras e se interessando cada vez mais pelo assunto com que trabalham. O profissional curioso é cada vez mais requisitado, isso dá um tempero na vida corporativa trazendo distintos pontos de vista à tona.

Mas para tudo há um equilíbrio, pessoas que só querem saber da vida das outras, curiosas por assuntos que ultrapassam limites éticos, que invadem a privacidade e o direito de ser dos outros, não possuem uma curiosidade saudável. Isso não agrega e pelo contrário, pode ser fonte de discórdia, fofoca e desunião.

Existem certas buscas que o Google não pode responder – buscas internas, espirituais ou empíricas. A curiosidade, quando é natural nos move em direção à descoberta e a partir do momento em que entendemos o funcionamento daquilo que buscamos podemos interagir de maneira colaborativa.

Curiosidade é uma das minhas maiores motivações, sempre digo à quem me pergunta o que me motiva, mas há limites e muito bom senso para que isso seja algo produtivo.

Por Danilo España

voce sa

...

Comments are closed.