12373155_1003111889711792_1946295236137514692_n

Animais fortes, alados, de tanto poder. Nos ensinam sobre a ampla visão, nos lembram que muitas vezes temos que olhar uma situação de cima, alargando nossos preceitos e opiniões.

Nos falam sobre a liberdade, expansão, nos recordam sobre os altos voos que muitas vezes temos medo de dar.

Para muitos, simboliza a elevação espiritual e a clarevidência. Eu concordo! Para mim são mesmo animais de grande poder.

Culturas de todas as épocas e lugares do mundo se atentaram às águias atribuindo interpretações e signos especiais:

“Para os gregos era considerada um animal Psicopompo: do grego “psychopompós” – união das palavras “psyché” que significa ‘alma’ e “pompós”, guia. Representando aquela que guia da alma. Para os chineses, simboliza a coragem e a força. Na cultura Celta, representa o símbolo do renascimento e da renovação. Para o Cristianismo ela simboliza o poder e a inspiração das palavras de Deus, enquanto que para os egípcios é o símbolo da vida eterna.”

São muitas as interpretações, mas todas carregam atribuições de altivez, força e elevação.

Toda a natureza nos brinda com sua sabedoria única. Cada animal, planta ou fruto tem sua maravilha particular, e através de suas características, forma, de suas cores mágicas ou de sua perfeição, nos contam sobre a essência da vida. Quando entramos em sintonia, as lições e aprendizados são muitos.

Ao ganhar tempo contemplando a natureza, nos conectamos com sua essência, que no fundo é nossa também. Afinal, somos todos Um…

(Nessas fotos estávamos no povoado de Yanque no Vale do Colca)

No Comment

Comments are closed.

You may also like